Pular para o conteúdo

O envelhecimento precoce é um problema que está atingindo cada vez mais homens e mulheres. Obviamente, envelhecer é um processo natural e inevitável para o ser humano. Porém, há muitas maneiras de se evitar os sinais de envelhecimento precoce.

Envelhecimento precoceE a alimentação é a principal maneira para que isso não aconteça. Consumindo os nutrientes certos ajudam a retardar o surgimento de sinais visíveis de envelhecimento, além de prevenir distúrbios e ampliar a expectativa de vida.

A atividade física também deve ser levado em consideração na hora de prevenir esse problema que incomoda milhões de pessoas.

Dieta contra o envelhecimento

É fato que a dieta atual sobrecarrega o corpo, prejudicando-o através do aumento dos radicais livres.

Os radicais livres são substâncias que quando em excesso no organismo causam o envelhecimento precoce do corpo e deixa o organismo mais vulnerável para doenças, gripes e resfriados.

E consumir alimentos que combatem os radicais livres é o primeiro passo para eliminar essas substâncias nocivas ao corpo.

Os alimentos antioxidantes que combatem os radicais livres são as frutas e verduras com grandes concentrações de vitaminas A, C ou E, assim como o betacaroteno, minerais, como o selênio e o zinco, e aminoácidos, como cisteína e glutationa.

Os antioxidantes desses alimentos servem para ajudar a prevenir doenças, como o mal de Alzheimer, câncer e doenças cardiovasculares. Além disso, os antioxidantes favorecem o bom funcionamento das células de todo o corpo, contrariando o efeito danoso do estresse ou da má alimentação.

A lista de alimentos antioxidantes são:

  • Acerola

  • Brócolis

  • Caju

  • Couve

  • Espinafre

  • Kiwi

  • Laranja

  • Limão

  • Manga

  • Melão

  • Morango

  • Mamo papaia

  • Tomate

  • Chá-verde

  • Alface roxa

  • Amora

  • Açaí

  • Ameixa vermelha

  • Berinjela

  • Cebola roxa

  • Cereja

  • Framboesa

  • Goiaba

  • Jabuticaba

  • Repolho roxo

  • Verduras e legumes no geral

Cuidados extras

A alimentação é a principal arma contra o envelhecimento precoce, porém existem outros cuidados que são essenciais para proteger contra os danos do envelhecimento precoce.

O sol, por exemplo, é um dos vilões para a pele. Por isso, o uso de filtro solar é fundamental para que proteja a pele aos danos dos raios solares.

Outros cuidados como: limpar, tonificar e hidratar a pele também pode evitar o envelhecimento da pele. O uso de loções e creme efeito cinderela também podem ser muito eficientes contra o envelhecimento precoce.

Cuidar da mente também é crucial e sobrecarrega o corpo, tem um impacto favorável sobre a nossa aparência física. Quando vivemos de mau humor, e sem razões aparentes para estar alegre e sorrir, o rosto fica carrancudo e com uma aparência mais envelhecida.

Ainda falando sobre a pele, é muito importante o consumo de alimentos ricos em colágeno. Isso porquê esse nutriente é importante para manter a pele firme, prevenindo ou retardando o aparecimento das rugas e da flacidez natural do processo de envelhecimento.

O estresse e a ansiedade são uma das principais causas do envelhecimento precoce nos últimos anos. Os efeitos mais devastadores do estresse e ansiedade são a perda de cabelo, o aparecimento de rugas e outros sinais que revelam o envelhecimento.

Uma das maneiras de combater esses problemas é através da atividade física que deve ser feita regularmente. Praticar atividade física traz uma série de benefícios para a saúde, previne a obesidade, melhora a circulação do sangue e aumenta a capacidade respiratória. Ele também ajuda a manter a pele muito mais saudável, jovem e fresca.

No vídeo a seguir é ensinado como fazer seu próprio hidratante contra o envelhecimento da pele. Assista:

ColágenoO colágeno é uma proteína que dá estrutura, firmeza e elasticidade à pele. Esse nutriente é produzido naturalmente pelo corpo, mas pode ser encontrado em alimentos e suplementos alimentares como o colágeno hidrolisado.

Devido o grande sucesso, o colágeno hidrolisado é usado largamente pelo púbico feminino. E, para acompanhar a demanda, as opções de produtos prontos com colágeno hidrolisado também aumentaram bastante.

Os benefícios do colágeno são é apenas para a pele, essa proteína também é muito importante para outros tecidos como para a integridade dos músculos, dos ligamentos, dos tendões e das articulações, melhorando a sua saúde.

A falta de colágeno no corpo pode acarretar em vários sintomas, tais ele são:

  • Aparecimento de estrias;

  • Diminuição da espessura dos fios de cabelo;

  • Aumento da flacidez e perda de elasticidade da pele;

  • Pele fina e desidratada;

  • Surgimento de rugas e de linhas de expressão;

  • Enfraquecimento das articulações e dos ligamentos.

Por isso, se o indivíduo possui alguns desses sintomas, é necessário começar a tomar suplementos a base de colágeno hidrolisado para balancear os níveis de colágeno no corpo.

Dermatologistas e até nutricionistas orientam que os produtos ricos em colágeno devem fazer parte de pessoas a partir dos 50 anos de idade, quando ocorre uma redução drástica na produção de colágeno, o que ao longo do tempo leva a uma aparência cada vez mais envelhecida.

Além disso, pessoas que acabaram de fazer cirurgia de rinoplastia, lipoaspiração ou qualquer outro tipo de cirurgia plástica é aconselhável tomar colágeno para melhorar e acelerar a cicatrização.

Mas é muito importante começar a suplementação desse nutriente somente com um acompanhamento médico, pois muitos suplementos de colágeno hidrolisado apresentam uma combinação de diferentes aminoácidos, vitaminas e minerais.

Veja o que o Dr. Rey fala sobre o colágeno:

Alimentos ricos em colágeno

Como falado no começo do artigo, é possível encontrar essa proteína em alguns alimentos. Carnes vermelhas, brancas e gelatina são ricos em colágeno e podem melhorar seus níveis no organismo.

Mas para absorver o colágeno dos alimentos, é necessário que você consuma alimentos ricos em vitamina C, como kiwi, morango, mamão laranja e abacaxi, na mesma refeição, pois eles potencializam a absorção do colágeno em 8 vezes, conferindo assim resultados melhores na redução da flacidez.

Aumentar a libido (apetite sexual) é um desejo que está cada vez mais comum entre homens e mulheres. O motivo é que cada vez mais pessoas estão perdendo a libido, e a principal causa disso é a má alimentação e a falta da atividade física.

O estresse, depressão e ansiedade também tem uma boa parcela desse problema sexual.

Lembrando que o uso de medicamento como Levitra e Cialis genérico funciona para retardar a ejaculação precoce e não para aumentar a libido. Além disso, esses medicamentos não são naturais por esse motivo não aconselhamos o seu uso.

Aumentando a libido naturalmente

Aumentar a libidoO primeiro passo para aumentar a libido é buscar ter hábitos saudáveis como:

  • Melhorar a alimentação

  • Manter o corpo hidratado

  • Se exercitar mais

A alimentação tem um grande peso na saúde da pessoa. E na vida sexual a alimentação também pode ser crucial em seu desempenho e potência sexual.

Alimentos como aspargo, nozes, amêndoas, figo, abacate, salmão e alho são ótimos para aumentar a libido. O alho, por exemplo, é rico em alicina que é um composto que ajuda a aumentar o fluxo de sangue para órgãos sexuais, ou seja, a ereção durará por muito mais tempo.

Alimentos ricos em zinco como ostra e semente de abóbora também são ótimos aliados ao sexo. O zinco é um importante nutriente na produção de esperma e também previne a deficiência de testosterona nos homens.

A bromelina, composto presente principalmente na banana, é conhecida por aumentar a libido, a potência masculina e o vigor sexual.

O vinho tinto também podem ser ótimos aliados para aumentar a virilidade dos homens. O tradicional tinto, bebido com moderação, é apontado como um importante aliado para aumentar o ritmo sexual, além, é claro, de proporcionar um bom momento íntimo ao casal.

Suplementos a base de maca peruana também são excelentes no aumento da libido. Ouros suplementos que também podem complementar sua alimentação e dar um upgrade em sua libido é o Xtramaster e Xtrasize. Ambos são suplementos feitos com ingredientes naturais, isso já mostra que o seu consumo não traz riscos.

Aumentando o desempenho sexual naturalmente

Aumentar o desempenho sexualSer fitness pode ser uma tarefa muito difícil, mas tem seus benefícios. Pois além de melhorar a forma física, flexibilidade e agilidade do corpo e da mente.

A prática de exercícios físicos pode melhorar significativamente o desempenho sexual.

Exercícios que fortalecem os membros inferiores ajudam e muito no desempenho sexual. Para as mulheres o exercício agachamento é uma ótima escolha, pois ele trabalha o quadríceps femoral, o glúteo e a musculatura posterior da coxa.

E por fim, a boa conversa também é muito importante para melhorar o relacionamento sexual do casal. É preciso conversar o tempo todo, pois o que era importante no sexo para você ou para ele no passado pode não ser mais agora e isso faz toda diferença no desempenho sexual de ambos.

Os cuidados do corpo e a preocupação pela saúde faz com que ser fitness esteja na moda. E o objetivo desse artigo é compartilhar as principais dicas e informações que você precisa saber para entrar em forma.

Se você é uma pessoa sedentária e não muito saudável, as mudanças devem acontecer com calma e gradativamente e aos poucos. Faça da sua rotina de exercícios, uma parte orgânica de seu estilo de vida.

É muito importante ter metas, pois é elas que iram fazer você ficar motivado. É importante saber que você só pode controlar o que acontece hoje.

Crossfit

CrossfitO Crossfit é um treino de alta intensidade que mistura ginástica olímpica e atletismo. Ele trabalha a resistência muscular, flexibilidade e coordenação motora, promovendo resultados rápidos.

Além disso, esse tipo de treino pode melhorar sua agilidade, equilíbrio, força, velocidade e potência.

O aprimoramento dessas habilidades e seus benefícios já podem ser observados num curto espaço de tempo.

Para quem busca emagrecer os treinos de Crossfit são ótimos. Devido sua alta intensidade faz com que o corpo fique em situações extremas, causando o estresse muscular e o aceleramento do metabolismo.

Suplementação

SuplementaçãoPara ter uma saúde melhor e entrar em forma é necessário investir. E um de seus investimentos deve ser na suplementação. Termogênicos como Kimera, vitaminas, minerais e suplementos proteicos são ótimos para melhorar seu corpo e performance nos treinos.

Fique atento para não gastar dinheiro desnecessário em suplementos. Os mesmos devem ser tratados como complementos em sua dieta e não como refeição principal. Ou seja, os suplementos devem ser tomados juntos com os alimentos.

Descanso

SonoO descanso é muito importante para entrar em forma. Treinar todos os dias não faz muito bem, pois o corpo e principalmente os músculos precisam de descanso.

O sono também é muito importante, pois é durante o sono que os músculos crescem e os hormônios responsáveis pela saúde em geral do corpo trabalham.

Durma no mínimo 7 horas por dia. Sempre tente dormir ao máximo, pois uma das partes mais importantes da saúde é o sono de qualidade.

Dieta

DietaA dieta é muito importante para ser fitness e ter uma vida e corpo melhor. Se você deseja fazer uma dieta para ganhar massa muscular ou para emagrecer é fundamental consumir proteínas em todas as refeições.

Alimentos ricos em fibras também são obrigatórios para uma saúde completa. Afinal, as fibras garantem mais saciedade ao corpo e evitam ao máximo do seu corpo “pedir” besteiras como doces.

Gorduras como o ômega-3 também são cruciais para o desenvolvimento da sua saúde no geral. Esse tipo de gordura contribui também para o fortalecimento da sua saúde mental e cardiovascular.

Musculação

MusculaçãoA musculação é um treino clássico e um hábito que todos deveriam ter. Ela ajuda na reparação e construção da massa magra e fortalece o sistema imunológico do corpo.

Certifique de colocar intensidade e sempre aumentar os pesos dos exercícios, pois com a prática do mesmo exercício e peso o corpo humano tende a se acostumar com o exercício e com isso ele gaste menos calorias.

Portanto, a fórmula correta para treinar musculação é unir intensidade e peso. E sempre busque uma ajuda de um profissional para maximizar seus resultados fitness.

Hábitos saudáveisTer hábitos saudáveis é a melhor maneira de ter uma vida com mais saúde, energia e sem doenças. Porem todos sabemos que ter hábitos saudáveis não é nada fácil e exige dedicação e comprometimento.

O fato é que existem muitos hábitos diários que podemos fazer. Pesquisas apontam que o corpo humano acostuma com um novo hábito depois de 21 dias. Isso porquê, esse é o tempo ideal para o corpo se adequar ao novo hábito proposto.

Nesse artigo, vamos abordar 5 hábitos que você pode estar fazendo para melhorar sua saúde ao todo.

1- Trocar o óleo de cozinha pelo óleo de coco ou manteiga orgânica

Os óleos de cozinha (vegetal) é de longe os piores alimentos para sua saúde. Um dos principais motivos é que quando exposto ao calor e luz, esses óleos deixa propenso à oxidação e à produção de radicais livres.

Os radicais livres são um dos responsáveis no desenvolvimento de câncer e no envelhecimento precoce das células.

O óleo vegetal contem gordura poliinsaturados. Esses óleos são os mais inflamatórios dentro de nossos corpos devido à sua elevada reatividade ao calor e à luz. Essa inflamação é o que ajuda a causar muitos problemas internos tais como doenças cardíacas, câncer e outras doenças degenerativas.

As gorduras saturadas são realmente os óleos mais saudáveis para se cozinhar. O motivo é que esse tipo de óleo é estável em condições de cozimento e menos inflamatórios do que os óleos polinsaturados para cozinhar.

Exatamente por isso que os óleos tropicais como o óleo de coco são os melhores para cozinhar eles têm muito poucos ácidos polinsaturados e são na sua maioria composta de gorduras saturadas naturais que são o menos reativo ao aquecimento e portanto os menos inflamatórios em seu corpo após um cozimento.

2- Beber chá-verde todos os dias

Depois da água, a segunda bebida mais importante para o corpo humano é o chá-verde. O motivo é que essa bebida é a mais saudável que existe.

O chá-verde contém quantidades consideráveis de manganês, potássio, ácido fólico, vitamina C, vitamina K, vitamina B1 e a vitamina B2, nutrientes que são essenciais para o bom funcionamento do organismo.

A única ressalva para o seu consumo é a cafeína presente nele. Caso não saiba a cafeína em excesso pode causar dor de cabeça, agitação, irritação e aumento do ritmo cardíaco.

O lado positivo da cafeína é que aumenta o metabolismo, ou seja, faz o seu corpo queimar mais gordura. Teve um filho e deseja se tornar uma mamãe sarada? Comece tomando chá-verde no lugar do café.

É ideal tomar chá-verde de manhã (no lugar do café) ou depois do almoço por exemplo. Evite seu consumo a noite, pois a cafeína presente na bebida pode atrapalhar seu sono.

3- Trocar o açúcar por adoçantes naturais

Hoje em dia é muito fácil encontrar adoçantes naturais em mercados e até mesmo em farmácias. Todos sabem que o açúcar, principalmente em excesso, faz muito mal à saúde. Ele está ligado ao aumento do risco de ter problemas como diabetes, obesidade, colesterol alto, gastrite e prisão de ventre.

Vale destacar que o excesso do açúcar também prejudica a memória e dificulta o aprendizado, o que leva a uma diminuição do rendimento nos estudos e no trabalho.

4- Tomar suplementos

Os suplementos alimentares são ótimos aliados para uma dieta saudável e equilibrada. Eles servem para complementar a alimentação, principalmente uma alimentação que é pobre em determinado nutriente.

Max Amora, Detox Slim, Green Coffee, Turbo Slim, Whey Protein, Spirulina, Hipercalórico, Vitaminas, etc.. podem ser ótimos aliados para sua alimentação.

Para não gastar a toa seu dinheiro com suplementos é aconselhável primeiramente identificar em sua alimentação; qual nutriente que ela é pobre. Com base nisso, você deverá tomar algum suplemento que é rico nesse nutriente.

Exemplo: se sua alimentação é pobre em proteínas, você deverá tomar suplementos proteicos como o Whey Protein.

5- Ler os rótulos dos alimentos

Rótulos dos alimentosEsse é um tipo de hábito que traz inúmeros benefícios para sua saúde. O principal deles é saber quais tipos de substâncias você está consumindo.

O objetivo do rótulo dos alimentos é orientar o consumidor sobre a quantidade e a qualidade dos constituintes nutricionais do alimento, favorecendo então uma escolha apropriada.

Além disso, é preciso estar atento ao prazo de validade, recomendação que vale até mesmo para uma garrafa de água. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária preconiza que, quando o prazo de validade for menor do que três meses, o fabricante é obrigado a colocar no rótulo apenas o mês e o dia em que o produto foi fabricado.

Vitaminas do complexo BAs vitaminas B1, B2, B3, B5, B6, B7, B9 e B12 são as chamadas vitaminas do complexo B.

Elas atuam no processo de absorção de carboidratos, proteínas e gorduras, atuando ainda na manutenção da vitalidade da pele, cabelo, unhas, bem como na manutenção do tônus muscular.

No vídeo abaixo é mostrado mais detalhes desse tipo de vitamina:

Vitamina B1

A tiamina, muito conhecido como vitamina B1 é importante para produção de ácido clorídrico e para a formação do sangue. Tem importante função no metabolismo dos carboidratos.

Os sintomas principais das falta da vitamina B1 são fadiga, depressão, anorexia e instabilidade emocional. Podem aparecer também sintomas gastrointestinais e insuficiência cardíaca.

Os alimentos ricos em vitamina B1 são: aveia, levedura de cerveja, sementes de girassol, amendoim, carne de porco assada, castanha de caju torrada e castanha do pará.

Vitamina B2

Também conhecida como riboflavina. Esse tipo de vitamina do complexo B alivia a fadiga ocular e é importante na prevenção e tratamento da catarata. Participa do metabolismo de carboidratos, gorduras e proteínas.

Além disso, ela é importante para o organismo porque ajuda a aumentar a produção de sangue, a manter o metabolismo adequado, a favorecer o crescimento e a prevenir problemas no sistema nervoso e de visão, como a catarata.

As principais fontes de vitamina B2 são: leite integral, ovo cozido, espinafre, fígado de boi, iogurte, amêndoas e queijo minas frescal.

Vitamina B3

A niacina, vitamina B3, é conhecida como ácido nicotínico, a vitamina B3 é necessária para a circulação adequada e pele saudável. Ela também contribui com o bom funcionamento dos sistemas cardiovascular e nervoso.

As principais fontes de vitamina B3 são: fígado, bacalhau, atum, sardinha, farelo de arroz, farelo de trigo, gergelim, abóbora, batata-doce, goiaba, pêssego e amendoim.

Vitamina B5

A vitamina B5 é muito conhecida pelo seu efeito contra o estresse. A falta de vitamina B5 no organismo pode provocar queda de cabelo e pelos além de produzir sensação de mal-estar e fraqueza.

Esta vitamina é necessária para produzir esteroides vitais e cortisona na glândula supra-renal e é um elemento essencial da coenzima A.

Os alimentos ricos em Vitamina B5 são o abacate, frango, salmão, cogumelo, sementes de girassol e fígado.

Vitamina B6

Os alimentos ricos em vitamina B6 são importantes principalmente para o bom funcionamento do cérebro e para a formação das células do sangue.

É interessante informar que essa vitamina é chamada também de piridoxina. A banana, castanha, melancia, espinafre cru, fígado, avelã, batata assada, suco de ameixa e frango cozido são as principais fontes de vitamina B6.

Vitamina B7

Essa vitamina desempenha funções importantes no corpo como manter a saúde da pele, dos cabelos e do sistema nervoso. Ela também ajuda melhorar o controle da glicemia em casos de diabetes tipo 2.

Essa vitamina pode ser encontrada em alimentos como fígado, rins, gema de ovo, cereais integrais e nozes, além de também ser produzida pelas bactérias benéficas da flora intestinal.

Vitamina B9

Acompanhada da vitamina B12 participa da síntese do DNA (acido desoxirribonucleico), componente dos cromossomas.

A vitamina B9 também pode ser chamada de ácido fólico, esse por sua vez é imprescindível nos processos de divisão e multiplicação celular, sendo as suas necessidades aumentadas quando da gravidez.

Alimentos como milho, ervilha, peixes, fígado de boi, gema de ovo, cenoura, brócolis, feijão, lentilha e amendoim são ricos nesse tipo de vitamina.

Vitamina B12

A vitamina B12 age na prevenção da anemia, auxiliando ainda na formação e manutenção da longevidade das células. Atua ela diretamente auxiliando na absorção dos alimentos, síntese de proteínas e metabolismo de carboidratos e lipídeos.

Essa vitamina pode ser facilmente encontrada em alimentos como peixes, carnes, ovos, queijo e leite, e é importante para estimular a produção de células do sangue, do DNA e para manter a saúde do sistema nervoso.