Pular para o conteúdo

Lista de alimentos não perecíveisQuando você imagina realizar uma doação, quando você quer dar a uma pessoa um tipo de comida, mas tem medo, pois não sabe quando o alimento será consumido, a primeira coisa que você pensa é em oferecer alimentos que não estraguem com o tempo.

Com isso, você volta ao passado, onde fazia campanhas para a escola, arrecadando alimentos para doação, relembrando palavras ditas que até então você não entendia, como alimentos não perecíveis. E, mesmo sem saber, você saía à procura deles.

Hoje, você já toma ciência do que significa a palavra não perecível. E, para saber um pouco mais sobre ela, fique por aqui, que este texto trará todas as informações sobre esses tipos de alimentos.

Leia também:

O que são alimentos não perecíveis?

alimentos não perecíveisNa maioria das vezes, quando se quer dizer sobre um alimento não perecível, a pessoa está se referindo a alimentos que podem ser mantidos em temperatura ambiente por um longo período de tempo, sem que estraguem.

Outras pessoas já definem alimentos não perecíveis como aqueles que você não tem risco de perda.

Acontece que não é possível afirmar que existam alimentos que não corram o risco de estragar.

O fato é que eles estragam sim, e levam a nomenclatura de “não perecíveis” apenas para se diferenciarem dos outros alimentos, como os perecíveis e os semiperecíveis.

Ao longo do texto você aprenderá um pouco sobre esses dois alimentos também, por isso continue lendo esse artigo...

Mas, para definir o que é alimento não perecível, a melhor forma é dizendo que eles são alimentos que possuem o maior prazo de validade e duração, em comparação a outros alimentos.

Ele é o alimento que, tendo uma baixa concentração de água e sendo corretamente armazenado, permanece em boas condições para ser consumido por mais tempo.

Exemplos de alimentos não perecíveis

Como exemplos de alimentos não perecíveis, podemos citar:

  • Feijão cru: antes de ser preparado, o feijão é considerado um alimento não perecível. Isso porque você tem a possibilidade de mantê-lo guardado por um bom tempo, sem que ele perca o seu valor nutritivo.
  • Arroz: assim como o feijão, seu companheiro quase inseparável, também é considerado um alimento não perecível. Estudos realizados com dois tipos de arroz, os com grãos revestidos e os polidos, indicaram que a melhor temperatura para armazená-los é 4,5ºC, sendo armazenado num recipiente de plástico ou de vidro. Mantido dessa forma, ele pode durar até 30 anos.
  • Sal: talvez a melhor definição de alimento não perecível. Sendo um mineral, ele não estraga nunca. Quanto maior a sua naturalidade, melhor. E mais, para obter o melhor aproveitamento do sal, você deve mantê-lo em local seco.
  • Açúcar: o açúcar é um alimento que não possui data de validade. Ele deve ser mantido em um recipiente fechado e seco, a fim de que possa ficar útil pelo tempo que você achar necessário.
  • Café Solúvel: o café solúvel, em pó ou granulado, que ainda não foi preparado, é um alimento não perecível, quer continua tendo a sua validade por um período indeterminado de tempo, mesmo que tenha sido aberto. Para aumentar a sua conservação, é aconselhado que o armazene num freezer.
  • Amido de milho: também um alimento não perecível que, para ter aumentada a sua validade, você deverá retirá-lo do seu recipiente original, o transferindo para um recipiente seco e fechado.

O que é alimento perecível?

Alimento perecívelAlimento perecível é aquele alimento que, contrariamente ao não perecível, tem facilidade para estragar. Um grande exemplo de alimento perecível é o leite. Logo assim que é aberta a embalagem, ele já entra em processo de deterioração.

A carne, os peixes, o tomate e outros produtos hortícolas, frutas que têm suco e são moles, entre outros.

A sua principal característica é ter um alto teor de água e é por isso que devem ser armazenados em ambiente resfriado.

E os alimentos semiperecíveis?

Os alimentos semiperecíveis são aqueles foram submetidos a métodos de conservação que fazem com que os alimentos possam ser conservados por mais tempo.

Como exemplo para esses alimentos, podemos citar as conservas, os produtos hortícolas, como a batata, a cenoura, a beterraba, as frutas maduras, entre outros.

Os alimentos semiperecíveis são aqueles que requerem cuidados com o seu estado, com a sua embalagem, com a data aconselhada para o seu consumo e precisam estar sempre sendo observados, para realmente ver se eles se deterioram durante o armazenamento.

O que você acha de fortalecer o sistema imunológico e prevenir a formação de asterosclerose?

Então coma abacate!

Nos últimos anos o abacate vem sendo muito falado devido seus grandes benefícios a saúde principalmente devido o alimento ser rico em ômega-3, que atua como antioxidante e melhora o controle do colesterol e diminui o risco de doenças cardiovasculares, além de melhorar a saúde do cérebro.

Além do ômega-3, o abacate é uma fonte rica de nutrientes e vitaminas que trazem equilíbrio para a alimentação. Ele é rico em sais minerais como potássio, ferro, cálcio e magnésio, além das vitaminas A, C, E, K e vitaminas de complexo B.

Benefícios do abacate

Um dos ótimos benefícios do abacate é que ele aumenta a absorção de carotenoides do corpo. Os carotenoides atuam como antioxidantes e precursores da vitamina A, que é essencial para a saúde dos olhos.

Abacate faz bem para o coraçãoAo contrário do colesterol ruim (LDL) o colesterol bom (HDL) é responsável pela proteção das artérias, com isso o consumo regular de abacate contribui para o aumento do colesterol bom o que protege as artérias e consequentemente diminuindo as chances do desenvolvimento de alguma doença cardiovascular.

Justamente por ajudar no aumento do colesterol bom faz com que o abacate tenha uma ação anti-inflamatório o que é ótimo para pessoas que sofrem com inchaços, desconfortos e vermelhidões devido a artroses, reumatismos e gotas.

Além disso, o abacate também ajuda combater a artrite que é uma doença inflamatória que leva à dor intensa nas articulações e outros problemas. E justamente os componentes do abacate ajudam a combater a inflamação causada pela artrite.

Por ser rica em vitamina B6 faz o abacate ser um ótimo remedio para impotencia feminino, isso porquê o alimento controla a produção do hormônio prolactina nas mulheres, esse hormônio é um dos responsáveis pela infertilidade feminina e, com seus níveis mais baixos, permite que a mulher aproveite melhor o sexo.

Abacate para quem pratica atividade físicaPara quem faz musculação ou qualquer outra atividade física, comer abacates evita a fadiga muscular porque combate os radicais livres que surgem devido ao exercício intenso, provocando o envelhecimento das células e facilitando o aparecimento da dor.

Além disso, o abacate ajuda na hipertrofia muscular, pois fornece energia para o treino e contém proteínas que ajudam na recuperação do músculo.

O abacate é um importante alimento também para mulheres grávidas, isso porquê ele ajuda prevenir doenças congênitas como problemas no sistema nervoso e espinha bífida, que é o mau fechamento da coluna vertebral do feto. Tudo isso é possível devido o abacate ser rico em ácido fólico.

Como falado no começo do artigo, o abacate é rico em ômega-3 que é um importante alimento para melhorar a saúde do cérebro. Uma dieta rica nesse nutriente melhora a capacidade de memória porquê estimula a circulação sanguínea e aumentar a capacidade de concentração.

Como complemento desse artigo, veja o vídeo que mostra mais benefícios do abacate:

Uma dica interessante para quem gosta de maionese é fazer uma de abacate que é 100% natural e nutritiva. Veja a receita:

Os benefícios da musculação vai muito além de aumentar a massa muscular e definir o corpo, ela reúne uma série de benefícios para quem a prática de forma regular e correta.

Apesar do aumento de pessoas que buscam alguma atividade física, o sedentarismo ainda é muito grande aqui no Brasil e a musculação pode ser uma ótima alternativa para quem busca sair dessa zona de risco que é o sedentarismo.

O motivo é que a prática regular de musculação pode proporcionar para sua saúde diversos benefícios, alguns deles citaremos nesse post. Veja:

1- Melhora a postura

Melhora da posturaUm dos grandes benefícios da musculação é melhorar a postura, principalmente para aquelas pessoas que ficam horas sentado durante o trabalho ou no carro, curvado sobre computadores e volantes.

Além disso, uma boa postura passa impressão de seriedade, confiança e autoestima, por outro lado, a má postura pode transmitir tristeza, baixa autoestima e indignidade.

Mas para que você aproveite esse benefício da musculação é necessário ter atenção em sua postura quando fizer os exercícios de musculação. Pois uma postura incorreta no exercício pode levar a algumas dores e piorar ainda mais a sua postura.

Exatamente por isso é muito importante solicitar ajuda de um profissional para ter mostrar a postura correta para executar o exercício.

2- Fortalece os músculos

Ter músculos fortalecidos é muito importante porquê eles ajudam a melhorar o condicionamento aeróbico, protege os ossos e articulações e melhora o metabolismo, além de que os músculos são fundamentais para a funcionalidade do organismo.

O fortalecimento dos músculos é uma forma de trabalhar as fibras que já existem. E praticar musculação focando no peso pode ajudar os músculos ganharem mais força e resistência.

Mas, é bom destacar que ter músculos grandes não é sinônimo de forte. Isso porquê o tamanho dos músculos não está necessariamente ligado à força muscular.

3- Melhora a circulação sanguínea

Melhora a circulação sanguíneaTer uma má circulação é caracterizada pela dificuldade do sangue passar pelas veias ou artérias.

Infelizmente, a má circulação ainda é muito comum entre as pessoas devido o sedentarismo. Alguns casos de má circulação podem ser hereditários e se manifestar constantemente.

A má circulação afeta o mal funcionamento do corpo todo e pode trazer problemas como pés e mãos frias, inchaço das pernas e pés, dor e cansaço nas pernas, pele seca e escamosa, sensação de formigamento nas pernas e varizes.

Além disso, a má circulação pode trazer problemas para a vida sexual como a impotência sexual e a ejaculação precoce que é quando o indivíduo tem ereções muitos rápidas. Por isso para quem busca um aumento peniano é muito importante melhorar a circulação sanguínea.

E praticar musculação é uma ótima forma de melhorar a circulação e consequentemente acabar com todos esses problemas causados pela má circulação.

4- Melhora o sistema imunológico

Um dos principais benefícios da musculação é, sem dúvida, a melhora do sistema imunológico.

Caso você não saiba, o sistema imunológico tem a finalidade de proteger o nosso organismo dos agentes nocivos, evitando as doenças. Os nossos órgãos internos são revestidos de membranas e pele dando maior segurança ao nosso corpo, porém agentes “do mal” são capazes de ultrapassar essa proteção, invadindo o nosso sistema.

E praticar musculação ajuda no aumento do sistema imunológico e consequentemente evitar uma série de doenças, gripes e resfriados. O fato é que a prática da musculação funciona melhor do que uma vacina ou algum medicamento para gripes e resfriados.

Além da musculação, existem outras maneiras eficazes de melhorar o sistema imunológico, para saber mais acesse:

https://www.tuasaude.com/como-aumentar-o-sistema-imunologico/

5- Promove a sensação de bem-estar

Promove a sensação de bem-estarAssim como outras atividades físicas, a musculação libera no sangue alguns hormônios do prazer, como a endorfina.

Esses hormônios promovem a sensação de prazer e bem-estar e são ótimos para o combate da ansiedade e depressão.

Além de melhorar a estabilidade emocional e o humor, a musculação gera uma interação social necessária para combater a sensação de solidão, uma vez que é preciso se deslocar para ir até a academia, reduz a insônia, a tensão e os níveis de estresse.

Portanto, para quem busca melhorar a saúde mental, praticar musculação é uma ótima e potente alternativa.

Recomendamos que leia também: Benefícios da melancia para a saúde

Além de deliciosa, a melancia é uma fruta rica em benefícios para a saúde. Ela é composta de 92% de água e 6% de açúcar.

A fruta é muito consumida em regiões secas do continente africano pois cerca de 92% do seu conteúdo é de água.

Além disso, muitos locais fazem uso da casca e das sementes de melancia. Com a casca, pode ser feito conservas e as sementes assadas são consumidas pelos povos do Oriente Médio. Os indianos, por exemplo, preparam pão com uma farinha feita a partir das sementes de melancia.

100 gramas da fruta equivale a 30 calorias. A fruta é um excelente fonte de vitamina C, vitamina B1, vitamina B2, vitamina B3, ácido pantotênico, vitamina B6, biotina, ácido fólico, cálcio, fósforo, magnésio, potássio, cobre e boas quantidades de carotenoides.

Além disso, a melancia é carregado de propriedades antioxidantes e anti-inflamatória.

Benefícios

A melancia reúne alguns benefícios para a saúde sexual. Ela, por exemplo, é capaz de combater a disfunção erétil, ou seja, o consumo de melancia traz os mesmos benefícios de um remedio para aumentar o prazer feminino e masculino, mais o melhor – sem efeitos colaterais, ou seja, sem riscos à saúde.

Isso é possível devido o óxido nítrico gerado a partir da ingestão de melancia. O óxido nítrico promove o relaxamento da musculatura dos vasos sanguíneos, o que aumenta o aporte de sangue para o pênis e para a vagina. Tudo isso faz aumentar a libido (prazer).

Além disso, estudos feitos nos Estados Unidos mostrou que a melancia também é eficaz para quem sofre de ejaculação precoce. Isso porquê ela ajuda manter o prazer durante as ereções fortalecendo o poder masculino de ereção.

A melancia ainda ajuda emagrecer, isso porquê ela é pobre em calorias e rica em nutrientes essenciais para a saúde, ou seja, tudo que uma pessoa em dieta precisa para emagrecer. Estudos realizados na Europa mostrou que o consumo regular da fruta ajuda o corpo a driblar a vontade de comer doce, o que faz a fruta ser ainda mais importante para quem busca emagrecer.

Mas os benefícios da melancia não para por ai, ela também auxilia na prevenção e no combate ao câncer. Isso porquê devido seu grande poder antioxidante que apresenta quantidades significativas de licopeno, betacaroteno e vitamina C.

Diversos estudos já demonstraram que o consumo regular da melancia ajuda prevenir câncer de mama, endométrio, próstata, pulmão e cólon.

Por se um diurético natural faz a melancia ser um ótimo alimento para os rins. Isso porquê eliminar urina é bom para os rins e para todo o organismo, já que dessa forma é possível se livrar de bactérias, resíduos e outros xenobióticos.

A melancia também é ótima para o coração, o motivo é que a fruta reduz a pressão arterial que, quando alta, consiste em um importante fator de risco para as doenças cardíacas.

O canal do Youtube Saúde na Rotina listou 15 motivos para comer melancia. Veja:

Muitos homens estão sofrendo a ejaculação precoce.

Uma recente pesquisa mostrou que 30% dos homens brasileiros sofre com a ejaculação precoce.

Caso você não sabe, a ejaculação precoce é definido como a incapacidade de controlar a ejaculação durante o ato sexual.

O tratamento da ejaculação precoce pode ser feito de várias formas. E a mais segura é através da alimentação.

Alimentação para ejaculação precoce

Ejaculação precoceFazer uma dieta equilibrada e saudável é fundamental na hora de combater a ejaculação precoce.

O fato é que quando se cuida bem da alimentação é muito difícil precisar tomar algum remédio para ejaculação precoce, pois as substâncias que seu corpo precisa para combater esse problema está nos alimentos.

O fato é que uma alimentação balanceada pode agir como uma vacina em nosso organismo, beneficiando as defesas e nos prevenindo da ejaculação precoce.

O motivo é que existem alguns alimentos são capazes de diminuir a ansiedade, trazer mais relaxamento e disposição. Esses são os principais fatores apontados pelos médicos no diagnóstico da ejaculação precoce.

Frutas cítricas

As frutas cítricas é o abacaxi, acerola, laranja, limão, caju, groselha, ameixa, framboesa, jabuticaba, etc.

As frutas cítricas são ótimas para o combate da ejaculação precoce, pois podem trazer a sensação de relaxamento e ajudar a tratar a ejaculação precoce.

Essas frutas podem ser consumidas in natura, mas também como sucos ou na salada de frutas.

Verduras no geral

As verduras trazem inúmeros benefícios e um deles é no combate a ejaculação.

A alface, por exemplo, consegue ter a ação comparada à de um antidepressivo, pois relaxa e diminui a irritação e a ansiedade. Em algumas pessoas ela chega a ser a responsável por uma melhora no sono.

Fazem parte do mesmo grupo de alimentos o agrião, a rúcula, a acelga e o espinafre. Brócolis, ervilha e espinafre, são alimentos ricos em ácido fólico.

O ácido fólico realiza funções internas no organismo que garantem o funcionamento celular estimulando o bom desempenho do sistema nervoso, consequentemente atuam como um inibidor natural da depressão.

Depressão que é um dos grandes problemas para quem sofre com ejaculação precoce.

Alimentos ricos em Serotonina

A Serotonina é um neurotransmissor (substância química do cérebro), que está envolvido em muitas funções vitais do corpo e é muito importante na regulação do humor e sono.

Ter bons níveis de Serotonina é ótimo, pois melhora seu humor e diminua as chances de você sofrer com ansiedade e depressão.

E o melhor jeito de melhorar os níveis de Serotonina em seu corpo é através da alimentação.

E os alimentos que melhoram a Serotonina são:

  • Mel

  • Chocolate amargo

  • Óleo de linhaça

  • Peixes e frutos do março

  • Banana

  • Ovo

  • Cereja

  • Abacate

  • Berinjela

  • Espinafre

  • Aveia

Além disso, a Serotonina pode melhorar a pele, pois combate o envelhecimento precoce.

Cardápio contra impotência sexual

O cardápio contra impotência sexual abaixo é apenas um exemplo para você seguir.

Manhã: Omelete com ovo, aveia, cebola e alho.

Almoço: Salmão grelhado, arroz branco, espinafre, pepino e banana.

Lanche da Tarde: Aveia, mel, banana e chocolate amargo.

Janta: Arroz branco e salada com couve, alface, berinjela, ervilha e kiwi.

O envelhecimento precoce é um problema que está atingindo cada vez mais homens e mulheres. Obviamente, envelhecer é um processo natural e inevitável para o ser humano. Porém, há muitas maneiras de se evitar os sinais de envelhecimento precoce.

Envelhecimento precoceE a alimentação é a principal maneira para que isso não aconteça. Consumindo os nutrientes certos ajudam a retardar o surgimento de sinais visíveis de envelhecimento, além de prevenir distúrbios e ampliar a expectativa de vida.

A atividade física também deve ser levado em consideração na hora de prevenir esse problema que incomoda milhões de pessoas.

Dieta contra o envelhecimento

É fato que a dieta atual sobrecarrega o corpo, prejudicando-o através do aumento dos radicais livres.

Os radicais livres são substâncias que quando em excesso no organismo causam o envelhecimento precoce do corpo e deixa o organismo mais vulnerável para doenças, gripes e resfriados.

E consumir alimentos que combatem os radicais livres é o primeiro passo para eliminar essas substâncias nocivas ao corpo.

Os alimentos antioxidantes que combatem os radicais livres são as frutas e verduras com grandes concentrações de vitaminas A, C ou E, assim como o betacaroteno, minerais, como o selênio e o zinco, e aminoácidos, como cisteína e glutationa.

Os antioxidantes desses alimentos servem para ajudar a prevenir doenças, como o mal de Alzheimer, câncer e doenças cardiovasculares. Além disso, os antioxidantes favorecem o bom funcionamento das células de todo o corpo, contrariando o efeito danoso do estresse ou da má alimentação.

A lista de alimentos antioxidantes são:

  • Acerola

  • Brócolis

  • Caju

  • Couve

  • Espinafre

  • Kiwi

  • Laranja

  • Limão

  • Manga

  • Melão

  • Morango

  • Mamo papaia

  • Tomate

  • Chá-verde

  • Alface roxa

  • Amora

  • Açaí

  • Ameixa vermelha

  • Berinjela

  • Cebola roxa

  • Cereja

  • Framboesa

  • Goiaba

  • Jabuticaba

  • Repolho roxo

  • Verduras e legumes no geral

Cuidados extras

A alimentação é a principal arma contra o envelhecimento precoce, porém existem outros cuidados que são essenciais para proteger contra os danos do envelhecimento precoce.

O sol, por exemplo, é um dos vilões para a pele. Por isso, o uso de filtro solar é fundamental para que proteja a pele aos danos dos raios solares.

Outros cuidados como: limpar, tonificar e hidratar a pele também pode evitar o envelhecimento da pele. O uso de loções e creme efeito cinderela também podem ser muito eficientes contra o envelhecimento precoce.

Cuidar da mente também é crucial e sobrecarrega o corpo, tem um impacto favorável sobre a nossa aparência física. Quando vivemos de mau humor, e sem razões aparentes para estar alegre e sorrir, o rosto fica carrancudo e com uma aparência mais envelhecida.

Ainda falando sobre a pele, é muito importante o consumo de alimentos ricos em colágeno. Isso porquê esse nutriente é importante para manter a pele firme, prevenindo ou retardando o aparecimento das rugas e da flacidez natural do processo de envelhecimento.

O estresse e a ansiedade são uma das principais causas do envelhecimento precoce nos últimos anos. Os efeitos mais devastadores do estresse e ansiedade são a perda de cabelo, o aparecimento de rugas e outros sinais que revelam o envelhecimento.

Uma das maneiras de combater esses problemas é através da atividade física que deve ser feita regularmente. Praticar atividade física traz uma série de benefícios para a saúde, previne a obesidade, melhora a circulação do sangue e aumenta a capacidade respiratória. Ele também ajuda a manter a pele muito mais saudável, jovem e fresca.

No vídeo a seguir é ensinado como fazer seu próprio hidratante contra o envelhecimento da pele. Assista:

ColágenoO colágeno é uma proteína que dá estrutura, firmeza e elasticidade à pele. Esse nutriente é produzido naturalmente pelo corpo, mas pode ser encontrado em alimentos e suplementos alimentares como o colágeno hidrolisado.

Devido o grande sucesso, o colágeno hidrolisado é usado largamente pelo púbico feminino. E, para acompanhar a demanda, as opções de produtos prontos com colágeno hidrolisado também aumentaram bastante.

Os benefícios do colágeno são é apenas para a pele, essa proteína também é muito importante para outros tecidos como para a integridade dos músculos, dos ligamentos, dos tendões e das articulações, melhorando a sua saúde.

A falta de colágeno no corpo pode acarretar em vários sintomas, tais ele são:

  • Aparecimento de estrias;

  • Diminuição da espessura dos fios de cabelo;

  • Aumento da flacidez e perda de elasticidade da pele;

  • Pele fina e desidratada;

  • Surgimento de rugas e de linhas de expressão;

  • Enfraquecimento das articulações e dos ligamentos.

Por isso, se o indivíduo possui alguns desses sintomas, é necessário começar a tomar suplementos a base de colágeno hidrolisado para balancear os níveis de colágeno no corpo.

Dermatologistas e até nutricionistas orientam que os produtos ricos em colágeno devem fazer parte de pessoas a partir dos 50 anos de idade, quando ocorre uma redução drástica na produção de colágeno, o que ao longo do tempo leva a uma aparência cada vez mais envelhecida.

Além disso, pessoas que acabaram de fazer cirurgia de rinoplastia, lipoaspiração ou qualquer outro tipo de cirurgia plástica é aconselhável tomar colágeno para melhorar e acelerar a cicatrização.

Mas é muito importante começar a suplementação desse nutriente somente com um acompanhamento médico, pois muitos suplementos de colágeno hidrolisado apresentam uma combinação de diferentes aminoácidos, vitaminas e minerais.

Veja o que o Dr. Rey fala sobre o colágeno:

Alimentos ricos em colágeno

Como falado no começo do artigo, é possível encontrar essa proteína em alguns alimentos. Carnes vermelhas, brancas e gelatina são ricos em colágeno e podem melhorar seus níveis no organismo.

Mas para absorver o colágeno dos alimentos, é necessário que você consuma alimentos ricos em vitamina C, como kiwi, morango, mamão laranja e abacaxi, na mesma refeição, pois eles potencializam a absorção do colágeno em 8 vezes, conferindo assim resultados melhores na redução da flacidez.

Aumentar a libido (apetite sexual) é um desejo que está cada vez mais comum entre homens e mulheres. O motivo é que cada vez mais pessoas estão perdendo a libido, e a principal causa disso é a má alimentação e a falta da atividade física.

O estresse, depressão e ansiedade também tem uma boa parcela desse problema sexual.

Lembrando que o uso de medicamento como Levitra e Cialis genérico funciona para retardar a ejaculação precoce e não para aumentar a libido. Além disso, esses medicamentos não são naturais por esse motivo não aconselhamos o seu uso.

Aumentando a libido naturalmente

Aumentar a libidoO primeiro passo para aumentar a libido é buscar ter hábitos saudáveis como:

  • Melhorar a alimentação

  • Manter o corpo hidratado

  • Se exercitar mais

A alimentação tem um grande peso na saúde da pessoa. E na vida sexual a alimentação também pode ser crucial em seu desempenho e potência sexual.

Alimentos como aspargo, nozes, amêndoas, figo, abacate, salmão e alho são ótimos para aumentar a libido. O alho, por exemplo, é rico em alicina que é um composto que ajuda a aumentar o fluxo de sangue para órgãos sexuais, ou seja, a ereção durará por muito mais tempo.

Alimentos ricos em zinco como ostra e semente de abóbora também são ótimos aliados ao sexo. O zinco é um importante nutriente na produção de esperma e também previne a deficiência de testosterona nos homens.

A bromelina, composto presente principalmente na banana, é conhecida por aumentar a libido, a potência masculina e o vigor sexual.

O vinho tinto também podem ser ótimos aliados para aumentar a virilidade dos homens. O tradicional tinto, bebido com moderação, é apontado como um importante aliado para aumentar o ritmo sexual, além, é claro, de proporcionar um bom momento íntimo ao casal.

Suplementos a base de maca peruana também são excelentes no aumento da libido. Ouros suplementos que também podem complementar sua alimentação e dar um upgrade em sua libido é o Xtramaster e Xtrasize. Ambos são suplementos feitos com ingredientes naturais, isso já mostra que o seu consumo não traz riscos.

Aumentando o desempenho sexual naturalmente

Aumentar o desempenho sexualSer fitness pode ser uma tarefa muito difícil, mas tem seus benefícios. Pois além de melhorar a forma física, flexibilidade e agilidade do corpo e da mente.

A prática de exercícios físicos pode melhorar significativamente o desempenho sexual.

Exercícios que fortalecem os membros inferiores ajudam e muito no desempenho sexual. Para as mulheres o exercício agachamento é uma ótima escolha, pois ele trabalha o quadríceps femoral, o glúteo e a musculatura posterior da coxa.

E por fim, a boa conversa também é muito importante para melhorar o relacionamento sexual do casal. É preciso conversar o tempo todo, pois o que era importante no sexo para você ou para ele no passado pode não ser mais agora e isso faz toda diferença no desempenho sexual de ambos.

Os cuidados do corpo e a preocupação pela saúde faz com que ser fitness esteja na moda. E o objetivo desse artigo é compartilhar as principais dicas e informações que você precisa saber para entrar em forma.

Se você é uma pessoa sedentária e não muito saudável, as mudanças devem acontecer com calma e gradativamente e aos poucos. Faça da sua rotina de exercícios, uma parte orgânica de seu estilo de vida.

É muito importante ter metas, pois é elas que iram fazer você ficar motivado. É importante saber que você só pode controlar o que acontece hoje.

Crossfit

CrossfitO Crossfit é um treino de alta intensidade que mistura ginástica olímpica e atletismo. Ele trabalha a resistência muscular, flexibilidade e coordenação motora, promovendo resultados rápidos.

Além disso, esse tipo de treino pode melhorar sua agilidade, equilíbrio, força, velocidade e potência.

O aprimoramento dessas habilidades e seus benefícios já podem ser observados num curto espaço de tempo.

Para quem busca emagrecer os treinos de Crossfit são ótimos. Devido sua alta intensidade faz com que o corpo fique em situações extremas, causando o estresse muscular e o aceleramento do metabolismo.

Suplementação

SuplementaçãoPara ter uma saúde melhor e entrar em forma é necessário investir. E um de seus investimentos deve ser na suplementação. Termogênicos como Kimera, vitaminas, minerais e suplementos proteicos são ótimos para melhorar seu corpo e performance nos treinos.

Fique atento para não gastar dinheiro desnecessário em suplementos. Os mesmos devem ser tratados como complementos em sua dieta e não como refeição principal. Ou seja, os suplementos devem ser tomados juntos com os alimentos.

Descanso

SonoO descanso é muito importante para entrar em forma. Treinar todos os dias não faz muito bem, pois o corpo e principalmente os músculos precisam de descanso.

O sono também é muito importante, pois é durante o sono que os músculos crescem e os hormônios responsáveis pela saúde em geral do corpo trabalham.

Durma no mínimo 7 horas por dia. Sempre tente dormir ao máximo, pois uma das partes mais importantes da saúde é o sono de qualidade.

Dieta

DietaA dieta é muito importante para ser fitness e ter uma vida e corpo melhor. Se você deseja fazer uma dieta para ganhar massa muscular ou para emagrecer é fundamental consumir proteínas em todas as refeições.

Alimentos ricos em fibras também são obrigatórios para uma saúde completa. Afinal, as fibras garantem mais saciedade ao corpo e evitam ao máximo do seu corpo “pedir” besteiras como doces.

Gorduras como o ômega-3 também são cruciais para o desenvolvimento da sua saúde no geral. Esse tipo de gordura contribui também para o fortalecimento da sua saúde mental e cardiovascular.

Musculação

MusculaçãoA musculação é um treino clássico e um hábito que todos deveriam ter. Ela ajuda na reparação e construção da massa magra e fortalece o sistema imunológico do corpo.

Certifique de colocar intensidade e sempre aumentar os pesos dos exercícios, pois com a prática do mesmo exercício e peso o corpo humano tende a se acostumar com o exercício e com isso ele gaste menos calorias.

Portanto, a fórmula correta para treinar musculação é unir intensidade e peso. E sempre busque uma ajuda de um profissional para maximizar seus resultados fitness.

Hábitos saudáveisTer hábitos saudáveis é a melhor maneira de ter uma vida com mais saúde, energia e sem doenças. Porem todos sabemos que ter hábitos saudáveis não é nada fácil e exige dedicação e comprometimento.

O fato é que existem muitos hábitos diários que podemos fazer. Pesquisas apontam que o corpo humano acostuma com um novo hábito depois de 21 dias. Isso porquê, esse é o tempo ideal para o corpo se adequar ao novo hábito proposto.

Nesse artigo, vamos abordar 5 hábitos que você pode estar fazendo para melhorar sua saúde ao todo.

1- Trocar o óleo de cozinha pelo óleo de coco ou manteiga orgânica

Os óleos de cozinha (vegetal) é de longe os piores alimentos para sua saúde. Um dos principais motivos é que quando exposto ao calor e luz, esses óleos deixa propenso à oxidação e à produção de radicais livres.

Os radicais livres são um dos responsáveis no desenvolvimento de câncer e no envelhecimento precoce das células.

O óleo vegetal contem gordura poliinsaturados. Esses óleos são os mais inflamatórios dentro de nossos corpos devido à sua elevada reatividade ao calor e à luz. Essa inflamação é o que ajuda a causar muitos problemas internos tais como doenças cardíacas, câncer e outras doenças degenerativas.

As gorduras saturadas são realmente os óleos mais saudáveis para se cozinhar. O motivo é que esse tipo de óleo é estável em condições de cozimento e menos inflamatórios do que os óleos polinsaturados para cozinhar.

Exatamente por isso que os óleos tropicais como o óleo de coco são os melhores para cozinhar eles têm muito poucos ácidos polinsaturados e são na sua maioria composta de gorduras saturadas naturais que são o menos reativo ao aquecimento e portanto os menos inflamatórios em seu corpo após um cozimento.

2- Beber chá-verde todos os dias

Depois da água, a segunda bebida mais importante para o corpo humano é o chá-verde. O motivo é que essa bebida é a mais saudável que existe.

O chá-verde contém quantidades consideráveis de manganês, potássio, ácido fólico, vitamina C, vitamina K, vitamina B1 e a vitamina B2, nutrientes que são essenciais para o bom funcionamento do organismo.

A única ressalva para o seu consumo é a cafeína presente nele. Caso não saiba a cafeína em excesso pode causar dor de cabeça, agitação, irritação e aumento do ritmo cardíaco.

O lado positivo da cafeína é que aumenta o metabolismo, ou seja, faz o seu corpo queimar mais gordura. Teve um filho e deseja se tornar uma mamãe sarada? Comece tomando chá-verde no lugar do café.

É ideal tomar chá-verde de manhã (no lugar do café) ou depois do almoço por exemplo. Evite seu consumo a noite, pois a cafeína presente na bebida pode atrapalhar seu sono.

3- Trocar o açúcar por adoçantes naturais

Hoje em dia é muito fácil encontrar adoçantes naturais em mercados e até mesmo em farmácias. Todos sabem que o açúcar, principalmente em excesso, faz muito mal à saúde. Ele está ligado ao aumento do risco de ter problemas como diabetes, obesidade, colesterol alto, gastrite e prisão de ventre.

Vale destacar que o excesso do açúcar também prejudica a memória e dificulta o aprendizado, o que leva a uma diminuição do rendimento nos estudos e no trabalho.

4- Tomar suplementos

Os suplementos alimentares são ótimos aliados para uma dieta saudável e equilibrada. Eles servem para complementar a alimentação, principalmente uma alimentação que é pobre em determinado nutriente.

Max Amora, Detox Slim, Green Coffee, Turbo Slim, Whey Protein, Spirulina, Hipercalórico, Vitaminas, etc.. podem ser ótimos aliados para sua alimentação.

Para não gastar a toa seu dinheiro com suplementos é aconselhável primeiramente identificar em sua alimentação; qual nutriente que ela é pobre. Com base nisso, você deverá tomar algum suplemento que é rico nesse nutriente.

Exemplo: se sua alimentação é pobre em proteínas, você deverá tomar suplementos proteicos como o Whey Protein.

5- Ler os rótulos dos alimentos

Rótulos dos alimentosEsse é um tipo de hábito que traz inúmeros benefícios para sua saúde. O principal deles é saber quais tipos de substâncias você está consumindo.

O objetivo do rótulo dos alimentos é orientar o consumidor sobre a quantidade e a qualidade dos constituintes nutricionais do alimento, favorecendo então uma escolha apropriada.

Além disso, é preciso estar atento ao prazo de validade, recomendação que vale até mesmo para uma garrafa de água. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária preconiza que, quando o prazo de validade for menor do que três meses, o fabricante é obrigado a colocar no rótulo apenas o mês e o dia em que o produto foi fabricado.